quinta-feira, 9 de maio de 2019

... do Nokia N-Gage


Uma tentativa da Nokia para entrar no mercado das consolas portáteis, criando um híbrido com todas as características de um telemóvel, e com a possibilidade de jogar também.

O modelo N-Gage foi lançado pela Nokia a 7 de Outubro de 2003, e algumas lojas não sabiam como o comercializar. Umas colocavam-no junto das consolas, outras junto dos telemóveis. Isso também não ajudou ao seu sucesso, com o aparelho a nunca incomodar o Game Boy Advance, e a ser um falhanço de vendas.

Com um ecrã de 3.5 cm por 4 cm, possibilitava ver os jogos com alguma qualidade, tendo um bom processador de imagem e pecando apenas nas teclas, que não eram muito práticas para os jogadores. o aparelho complementava isso com as vantagens de se poder fazer e receber chamadas, enviar SMS, ouvir MP3 ou rádio e até e-mails era possível.

Foram lançados 64 jogos, com o apoio de produtoras como Activision, Sega ou Codemasters, entre outros. Títulos como FIFA, Call of Duty, Bomberman ou Sonic, permitiam agradar todo o tipo de jogadores, mas nem isso ajudou para que a consola vingasse. Como telefone era pouco prático, e por isso o modelo foi morrendo aos poucos. A Nokia tentou de novo reformulando o seu design (mais oval), mas não foi o suficiente.










1 comentário: