... do Gil da Expo 98 - Ainda sou do tempo

sexta-feira, 13 de abril de 2018

... do Gil da Expo 98


A Expo 98 faz 20 anos, e é altura de começar a recordar por aqui aquele que foi um dos eventos mais importantes para Portugal no Século XX. A mascote do Gil, tornou-se um dos símbolos da exposição, o boneco ganhou uma vida própria, e por isso começo por aqui as memórias da Expo.

Foi feito um concurso que recebeu cerca de 310 propostas para a mascote do evento, com a escolha a recair sobre um ser azul claro, com a cabeça a fazer lembrar uma onda, concebida pelo pintor António Modesto e o escultor Artur Moreira.

Também o nome foi escolhido via concurso, que envolveu escolas de todo o país, e o vencedor acabou por ser o rapaz com 10 anos chamado José Luís Coelho, que recebeu entradas para a família toda, para poderem visitar a exposição todos os dias, e ele foi um dos convidados de honra na inauguração.

O nome Gil, foi em homenagem ao navegador Gil Eanes, e foi colocado num dos tabuleiros principais da exposição e tornou-se um sucesso de merchandising. T-shirts, porta-chaves, bonecos, apareceu de tudo um pouco, e em 1999 foi criada uma fundação, que se dedica a ajudar as crianças em necessidade, e que ficou com o mesmo nome da mascote.