... do Diário de Maria - Ainda sou do tempo

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

... do Diário de Maria


Diário de Maria foi uma série que passou na RTP no final dos anos 90, com Dalila Carmo como protagonista de um elenco que contava com nomes como Cristina Carvalhal, Paula Neves ou João Didelet, entre outros.

A série foi criada por Leah Laiman, uma argumentista experiente com trabalho feito em Hollywood, com textos de autoria de Luís Rangel, Luísa Correia, Paulo Aires e Vítor Bandarra, mostrando-nos a vida de uma jovem mulher em Lisboa, alternando situações dramáticas com momentos de humor.

Transmitida entre 1998 e 2000. a série tinha co-produção da RTP e da FIT (produtora dos Riscos), e começou por ser emitida em horário nobre, mas a dada altura começou a ser empurrada para horários mais tardios, tendo os últimos episódios sido transmitidos já de madrugada. O programa teve algum impacto, em especial pelo facto de ter sido o primeiro a mostrar um beijo lésbico, mas a troca de escritores e mudança constante de actores no elenco, fez com que a série não tivesse um fim condigno.

A série começa logo com um caso polémico, mostrando a irmã de Maria (Paula Neves) de apenas 21 anos, a ter um caso com o noivo da sua irmã, de 27, despoletando os acontecimentos que levaram Maria a querer mudar o seu modo de vida.

Vai trabalhar para a redacção de uma revista, onde o sua educação (vinha de um meio conservador), choca um pouco com o estilo de vida liberal dos seus colegas. Mas as coisas vão-se alterando com o tempo, e na série isso é-nos mostrado de uma forma interessante, uma pena a meio as coisas terem perdido um pouco o rumo.