0


A União Europeia usou, entre 1999 e 2002, uma unidade monetária para que fosse mais prático e rápido as transacções entre os diversos bancos europeus. Designada como ECU, era basicamente uma moeda fictícia, tendo sido substituída pelo EURO em 2002.

O ECU era utilizado pelos bancos dentro da União Europeia, de modo a minimizar as flutuações entre as diversas divisas dos países membros, e a facilitar as transacções no mercado financeiro. A etimologia da sigla era igual a uma antiga moeda francesa, e foi por isso tomada a decisão de mudar para EURO, e assim evitar esse problema.

Por cá era mais a questão da sonoridade da palavra, que deu azo a muita piada brejeira e fez as delícias dos cantores pimba do nosso país.













Enviar um comentário Blogger