0

Um dos filmes mais marcantes da década de 80, e um dos que impulsionou a carreira de Steven Spielberg com uma história tocante e alguns efeitos especiais que ficaram na memória de todos. E.T. o extra-terrestre tornou-se um dos maiores blockbusters de todos os tempos, estando ainda na lista dos filmes com maior bilheteira de todos os tempos.

E.T. the Extra-Terrestrial foi lançado em 1982, com realização de Steven Spielberg e com o jovem Henry Thomas no principal papel. O conceito do filme baseou-se num amigo imaginário que o realizador inventou, na altura do divórcio dos seus pais, adaptando a ideia e personificando no pequeno alien e numa série de efeitos especiais que ajudaram a puxar esta bela história de amizade para recordes de bilheteira com mais de 700 Milhões de dólares, um recorde que durou mais de 11 anos.

Basicamente vemos como um pequeno alienígena que ficou para trás faz amizade com um pequeno rapaz de 10 anos chamado Elliot, e assistimos a uma série de momentos ternurentos com os momentos que os dois passam juntos a conhecer-se e a criarem uma ligação psíquica bastante intensa. A dada altura tudo o que o alien experimentava, Elliot sofria as consequências, fossem elas boas ou más. Os elementos da família do rapaz vão descobrindo aos poucos, e o destaque vai para a pequena Drew Barrymore, a irmã mais nova e a que reage melhor ao ET.

As cenas de vestirem o ET com roupas de mulher, ele a aprender a falar inglês ou o salto de bicicleta estão entre as melhores do filme, assim como o dedo do alienígena a tocar no pequeno Elliot. O rapaz faz tudo para esconder o seu amigo do governo, que o quer capturar, e vamos seguindo essas peripécias até o final onde ele finalmente embarca na nave que o vem buscar.

Houve muita choradeira nas sessões de cinema, ou mesmo em quem via em casa com o resto da família, e tornou-se um clássico familiar intemporal. Quem aí é fã desta história?


















Enviar um comentário Blogger