0

Volto ao mundo das telenovelas da Rede Globo, desta feita para falar de Fera Radical, uma novela que passou por cá na hora de almoço, horário para onde iam normalmente as novelas das 18h da Globo.

Fera Radical foi uma novela da autoria de Walther Negrão, originalmente transmitida entre Março e Novembro de 1988 no horário das 18h da Rede Globo. sendo transmitida por cá pela RTP 1 no horário do almoço, pelo meio dia entre Dezembro de 1989 e Maio de 1990. Não foi das mais populares ou emblemáticas desse horário, mas mesmo assim a actuação de Malu Mader deixou muitos colados ao ecrã e interessados na trama ali apresentada.

Inspirada na peça A Visita da Velha Senhora, do suíço Friedrich Dürrenmatt, “Fera Radical” conta a história de Cláudia (Malu Mader), que deixa o Rio de Janeiro e retorna à pequena cidade de Rio Novo disposta a se vingar do extermínio de sua família, ocorrido 15 anos antes. A fera consegue trabalho como analista de sistemas na Fazenda Olho d’Água, cujos proprietários são os suspeitos da chacina de seus pais e irmãos.

Ela queria vingar-se de Altino Flores (Paulo Goulart), mas acaba por se envolver com os dois filhos dele, Heitor (Thales Pan Chacon) e Fernando (José Mayer), por quem se apaixona de verdade. O massacre da sua família continua vivo na sua mente, e ela quer-se vingar da família colocando um irmão contra o outro, muito para desespero da mãe adoptiva dela, Marta (Laura Cardoso) que a tenta demover dessa ideia.

Curiosamente ela tinha tido uma filha com Altino, mas ficou a cargo dele sendo criada pela mulher dele, Joana Flores (Yara Amaral) que é uma mulher forte e desconfiada com tudo, especialmente da chegada de Malu. Os dois irmãos Flores eram bem diferentes um do outro, Fernando adorava estar no meio dos bois e cavalos, enquanto que Heitor era mais dedicado aos escritórios.

Elias Gleizer interpretava o outro suspeito da morte da família de Malu, Donato Orisini, um estrangeiro bonacheirão que tentava se armar em fino mas era sempre bem engraçado e um pouco atrapalhado. Lembro-me bem do papel de Malu, obstinada e cheia de vontade de vingar a família, mas lembro-me pouco do resto da novela, talvez a prova que não tenha sido mesmo muito interessante.

Alguém por aí com opinião diferente?











Enviar um comentário Blogger