0

Mr. T era uma superestrela nos anos 80, por isso foi normal que após o cancelamento dos Soldados da Fortuna ele fosse aparecer noutra série, se possível no papel de protagonista. Foi assim que nasceu T. and T., uma série que mostrava o actor num papel com menos acção do que estávamos habituados, mas que podia na mesma mostrar algumas das coisas que tornaram o actor tão famoso.

T. and T. foi produzida no Canadá, teve 3 temporadas e 65 episódios que foram transmitidos entre 1987 e 1990 e que foram emitidos pela RTP em 1991, aos Sábados à tarde. Foi transmitido no Canal 1, no mesmo horário onde já tinham passado séries como Manimal, e tentando assim fazer com que as pessoas que ainda se recordassem dos Soldados da Fortuna ficassem para ver o programa.

Lembro-me de ver alguns episódios, isto era naquela altura que víamos tudo o que nos colocavam à frente, e ainda para mais quando tinha um actor que nos recordávamos tão bem de outra série (e que entretanto também tinha aparecido num filme da saga Rocky). Não sei se foram transmitidos todas as temporadas, mas a série era "ok", daquelas coisas que se via mas que não se ia a correr para ver.

Mr T era de novo condenado por um crime que não tinha cometido (lol), e a advogada Amy Taler (Alexandra Amini) faz um acordo com ele para aproveitar o seu conhecimento de rua (era um boxeur que fora criado num bairro complicado) e trabalhar com ela como detective privado. Na primeira temporada colocaram sempre o actor em situações de acção de modo a conquistar o público que iria procurar isso numa série protagonizada por ele, mas isso depois foi deixado de parte e como uma boa série dos anos 80 começou a abordar temas sociais e relevantes com alguma moral à mistura.

Voltaram à acção na terceira temporada, onde a irmã de Amy (Terri Taler) a substituiu como parceira de Mr. T. Nunca teve muito sucesso, mas também não era nada de horrível ou que nos fizesse correr a apagar a televisão. Alguém mais viu a série?













Enviar um comentário Blogger