0

Mais um desenho animado que foi produzido no Japão mas cujas raízes se encontravam no Ocidente, neste caso na Noruega. A Sra. Pimentinha foi baseada nuns livros infantis Noruegueses, e mostrava as aventuras de uma senhora simpática que conseguia encolher e viver aventuras fantásticas com os seus animais.

O Studio Pierrot e o Gakken produziram este desenho animado em 1983, baseado nuns livros infantis do escritor Norueguês Alf Prøysen, que tinham o nome (traduzido livremente) de A Senhora Colher de chá. Com o nome de Sra Pimentinha foram produzidos 130 episódios, que tinham cerca de 7 minutos cada e foram transmitidos pela RTP com dobragem em Portugês, primeiro em 1986 no espaço Juventude e Família aos Sábados, passando depois para os Domingos onde ficou até 1987 ano que deixou de ser transmitida por cá. Esta série, ao contrário de tantas outras, não foi mais repetida pela RTP, apesar de também ter tido algum sucesso.

Antonio Montez e Luísa Salgueiro eram respectivamente o Sr Pimenta e a Sra Pimentinha, que viviam numa pequena aldeia pacata mas que não impedia que ela vivesse grandes aventuras quando, com a ajuda de uma colher mágica, ela encolhia até o tamanho dessa colher (algo que não conseguia controlar) e depois conseguia falar com os animais e insectos para além de ter a ajuda de uns meninos da aldeia também. Argentina Rocha e António Feio eram outros dos nomes desta dobragem, que se esforçaram por nos envolver naquelas aventuras e ficarmos interessados naquela senhora de idade mas que tinha muita energia.

Existiram cadernetas, livros para colorir e bonecos de PVC, a prova que era um programa de sucesso e que a criançada gostava de ver e os mais velhos não se importavam nada que ficássemos a ver.




Enviar um comentário Blogger