0


Na segunda metade da década de 90 andava tudo armado em médico, com um Bip/Pager no cinto (ou bolso) que apitava sempre que recebiam alguma mensagem. Um antepassado dos telemóveis e o seu serviço de SMS e que se popularizou graças à campanha da Coca-Cola que facilitou a aquisição deste aparelho por muitos de nós.

O Bip e Pager trata-se de um objecto móvel que nos permitia receber uma mensagem alfa-numérica a qualquer altura e assim sermos avisados de algo ou sabermos que tínhamos que contactar alguém e dirigir-nos a uma cabine telefónica e telefonar para o número em questão. Isto tinha um serviço associado, que quem nos queria contactar usava para depois transmitir uma mensagem pré-definida ou ditar uma mensagem para quem estivesse do outro lado da linha que assim depois digitava e enviava para o nosso Bip/Pager.

Motorola, Coca-Cola e Telecel são os 3 nomes que pensamos logo ao falar deste objecto, eram as mais comuns associadas a eles e ao serviço que tínhamos que utilizar para usufruir do bip. Os telemóveis eram ainda muito recentes e absurdamente caros além das mensalidades que eram necessárias para o podermos utilizar, por isso isto era uma alternativa economicamente mais viável para quem queria estar sempre contactável.

A Coca-Cola ainda ajudou mais nisso, numa mega promoção onde podíamos adquirir um aparelho destes ao juntarmos um certo número de tampas de garrafa. Eu não tive nenhum, nem nunca contactei com nenhum, mas lembro-me de alguns amigos terem isto e da inutilidade do objecto já que nunca recebiam mensagem nenhuma.

Alguém teve?











Enviar um comentário Blogger