1

Quantos Queres era mais um daqueles jogos simples mas que nos entretinha durante horas, precisávamos somente de uma folha de papel e de lápis de cor ou canetas.

Era daqueles jogos que todos podiam participar, mas era muito mais popular junto das meninas do que dos meninos. Com uma folha de papel, dobrávamos a mesma até ficar no formato desejado para um Quantos Queres, depois nos cantos da folha (onde iríamos encaixar os dedos) pintava-se uma pequena bola colorida e na parte escondida da folha colocava-se o que pretendíamos chamar à pessoa.

Isto tanto podia ser algo fofinho, com algo gozão como até algo malandreco. Ficava ao nosso critério, depois pedíamos à outra pessoa dizer o número de vezes que queria que mexêssemos o quantos queres e no final para escolher a cor e depois dizíamos o que lhe tinha calhado.

Algo simples e típico da época em que se vivia em que algo num papel e com uma mecânica simples de jogo, era suficiente para uns bons momentos entre um grupo de amigos e amigas.





Enviar um comentário Blogger