2

O Sábado à Noite era um dia importante para as estações generalistas, e a RTP decidiu no começo da década de 90 colocar lá uma das suas maiores estrelas, o humorista Herman José com um programa longo que conciliava entrevistas com passatempos e momentos de muito humor.

O programa Parabéns estreou em 1992, e a parte que devia ser o destaque do programa (o factor concurso) era sem sombra de dúvida o que menos se prestava atenção, tinha alguma piada ao final com os dados a cair por cima do público ali sentado mas o que nos interessava mesmo era os sketchs de humor com o Herman ou então as entrevistas que eram quase sempre bem interessantes.

Por ali passaram pessoas tão diferentes como Mário Soares, Sting ou Parodiantes de Lisboa e pelo meio também tínhamos direito a boa música, com convidados musicais de gabarito que iam desde os Xutos e Pontapés aos Taxi. Nesta altura o Herman tinha ainda algum jeito como entrevistador, ainda não dominava as respostas como quando passou para SIC e nem enxovalhava os seus convidados e por isso até gostava de ver essas entrevistas ou de as deixar a gravar.

O melhor do programa era o humor, e quando o Herman se lembrou de ser entrevistado pelo grande Vítor de Sousa no "Boião da Cultura", aí então a coisa ganhou proporções épicas. Ver o Herman como ventríquolo, estrela de cinema de acção, jogador de futebol e tantas outras personagens era ver um dos melhores humoristas de sempre em grande forma e esses sketchs deviam ser editados em dvd e serem assim preservados para toda a eternidade.














Enviar um comentário Blogger