2

Jerry Lewis tem uma carreira cheia de altos e baixos, é considerado um génio da comédia em alguns Países como na França, mas no seu próprio País o seu tipo de humor nem sempre é apreciado pelo público em geral. A RTP transmitia algumas das suas comédias, conhecidas pelo exagero do humor físico, aos Domingos à Tarde na década de 80 e no final dessa década transmitia os programas de Televisão deste humoristas pela hora de almoço nos dias úteis da semana.

Lembro-me de achar bastante piada ao tipo de humor dele, o seu exagero na comédia física não caía na coisa brejeira, era algo bem feito (e em algumas cenas até bem complicado de se efectuar) que era depois complementado com as suas caretas e expressões faciais que davam o punchline sobre a piada. Ele era também conhecido pelo seu humor politicamente incorrecto, lembro-me que ele interpretava um Chinês de uma forma que faria o Badaró corar de vergonha.


Mais tarde vim a conhecer mais sobre a carreira deste artista, de como foi membro de uma dupla fenomenal com o cantor Dean Martin, com o qual para além de actuar em espectáculos ao vivo e gravar cd's, também fez alguns filmes e a dupla teve um enorme sucesso até ao dia em que se percebeu que este comediante roubava as atenções todas do público.

A dupla tinha tanto sucesso que até uma revista de banda desenhada teve, pela DC Comics, que durou mais de 5 anos e depois quando era somente estrelada pelo Jerry Lewis durou mais de 15 anos. Confesso que não vi os filmes da dupla, mas gostei muito de 2 filmes a solo de Lewis, o Cinderfella e o Bellboy para além do clássico The Nutty Professor.

Nos anos mais recentes lembro-me de uma interpretação fenomenal no filme King of Comedy do Martin Scorcese, um dos filmes mais interessantes deste cineasta mas que passa muito despercebido aos olhos do público. Lewis é conhecido pelas suas maratonas televisivas que tentam angariar fundos para as diversas instituições que apoia, principalmente a que patrocina fundos para a distrofia muscular. É um comediante incompreendido por muitos, mas ao qual não se deve negar a importância que tem na história da comédia.











Enviar um comentário Blogger