0



Quando o calor começava a apertar era certo e sabido que nos descampados por esse Portugal fora iriam aparecer mini feiras que em muitos casos consistia somente numa pista de Carrinhos de Choque. Mas a malta não se importava, isso era o suficiente para horas de diversão e aquilo não tinha a conotação má e pirosa que agora tem, tinha até um pouco uma aura aventureira já que nos podíamos colocar ao volante de um carro e ir contra os outros propositadamente.

Os carros eram sempre com umas cores berrantes e por norma só o mais novos se sentavam aos volantes destes, em algumas ocasiões encontravam-se pessoas mais velhas a divertir-se ou em alguns casos a tentar vingar-se da geração mais nova. De vez em quando apanhavam-se pessoas agressivas e passávamos a ficar mais atentos ao desviar-mo-nos dessa pessoa do que a tentar atingir outras, isto tudo ao som de músicas animadas e cheesy que ajudaram a criar a expressão "música de carrinhos de choque" que ainda perdura nos dias de hoje.

Outra característica predominante era ouvir uma voz por uns altifalantes muito manhosos com os bordões "mais uma moeda mais uma voltinha" que ficaram para sempre na nossa memória. Um pequeno carro, um grande pára choques e uma enorme diversão, era só isso que nos bastava para passarmos um bom bocado nestas mini feiras. Eu tenho pena de não termos a tradição dos Estados Unidos que andam com Feiras um pouco por todo o País, e ficarmos limitados ao espectáculo deprimente dos Circos.





Enviar um comentário Blogger